Na iniciativa desta manhã, em Santa Cruz, Filipe Sousa lamentou “profundamente as declarações do mais alto responsável político da Região na área da Saúde, nomeadamente o sr. Secretário Regional da Saúde”.

“Numa recente declaração pública, manifestamente infeliz, o Sr. Secretário criticou fortemente o programa que a Câmara tem de apoio às pequenas cirurgias e, contrariamente ao que referiu, em Santa Cruz, não há listas de espera”, esclareceu.

Filipe Sousa enalteceu os 6 programas que o Município desenvolve, com um investimento que supera os 700 mil euros e que têm sido uma mais-valia para as pessoas apoiadas.

“São desde os apoios às pequenas cirurgias, ajudas técnicas, fundo social de emergência pontual, o transporte de doentes, portanto, há aqui um conjunto de programas sociais extremamente importantes onde o Município, com a gestão do JPP, com um olhar social em prol das pessoas”, ressalvou.

O edil e candidato do JPP destaca que, “ao contrário da sua revolta, este governante deveria sentir-se feliz e orgulhoso por verificar que uma autarquia está a melhorar a qualidade de vida da sua população, quando este mesmo governante tem, nas suas costas, mais de 100 madeirenses com atos médicos em lista de espera”.

Filipe Sousa lamentou ainda que esta mensagem de crítica seja mantida pelos candidatos PSD coligados com o CDS e pediu à população para estar “atenta a estas movimentações”.

“Estes 2 partidos, agora coligados, deveriam ter uma preocupação social de apoio forte na área da saúde aos mais de 100 utentes em listas de espera e aquilo que nós vemos são milhões para aqui e milhões para ali, mantendo-se o flagelo que todos conhecemos neste setor fundamental à população”, ressalvou.

“A população de Santa Cruz que esteja atenta porque aqueles que se perfilam e que vêm dizer que querem recuperar Santa Cruz são aqueles que querem cortar, pela raiz, todos esses apoios sociais que estamos a desenvolver”.

Filipe Sousa agradeceu, mais uma vez, o apoio e a confiança depositada pela população de Santa Cruz nas últimas eleições “esperando que a mesma seja renovada no próximo dia 26 de setembro”, concluiu.

Pin It on Pinterest

Share This